segunda-feira, 1 de outubro de 2012

[REVIEW] Revenge – 2x01 – Destiny

"That bitch is alive!" (pensamento de Emily nesta foto)



Depois de tanta espera, essa delícia está com volta para deixar nossas vidas mais emocionantes. Até porque, antes dessa estréia de Revenge, essa fall season estava insossa. Eis o tempero que estava faltando.


É claro que depois dos acontecimentos e revelações bombásticas da season finale passada, esse episódio não poderia começar num ritmo menos intenso. A sequência da Emily amarada numa pedra, de início, foi angustiante. Já pensei que a nossa heroína estava em sérios apuros. Entretanto, não passava de um método, pouco convencional, para trazer lembranças à tona. Acredito que nossa querida Emily Thorne nunca tenha ouvido falar de sessões de regressão. Afinal, a novela brasileira, Amor Eterno Amor, ainda não deve ter chegado à América.

Quem parece não está tendo bons sonhos é Jack. Pois prefiro acreditar que as cenas do navio afundado tenha sido um sonho. Se não foram, já podemos esperar uma tragédia, e das grandes, vindo por aí. E falando em coisas vindo... Amanda está muito suspeita. Eu adoro a personagem, porém, depois que ela passou uma temporada com o Takeda, ela é no mínimo suspeita por qualquer acontecimento aleatório que venha acontecer na série. Pois, depois de matar Tayler, podemos esperar tudo dela.

Não sei quanto à procedência da cria que ela carrega. Jack parece querer exame de DNA (ratinho neles), mas como os níveis de armação da série são de alto nível, o resultado pode ser facilmente adulterado. E uma coisa que a galera do Hamptons sabe fazer muito bem e bonito é armação, né Victoria?

A rainha nos deu o maior susto na season finale se envolvendo num suposto “acidente” fatal de avião. Contudo, isso não passava de uma armação do governo para manter a rainha escondida e supostamente morta, enquanto era montado um suposto esquema para incriminar Conrad pelos crimes cometidos, sobretudo sobre a armação para cima do coitado David Clark. Não sei o que esperar desse plot, até porque Victoria não ficará escondida para sempre.

Quem acaba sofrendo no meio dessa armação toda é a coitada da Charlotte. Por isso a garota é toda problemática. Basta vermos os pais que ela teve para entender. Agora o magnata da família, Conrad, está armando para cima da própria filha só para ter acesso ao dinheiro da herança dela. Acho que a única saída para a garota é fugir com o Declan, que tá virando um rapaz sábio e experiente. Só assim para colocar juízo na cabeça do irmão que insiste em ser infeliz com a mulher que não ama, pois é o mais correto a fazer. Vê se acorda e vai ser feliz Jack!

Ao passo que a rainha fica escondida em sua redoma, Ashley aproveita para fisgar de vez o herdeiro dos Grayson’s, Daniel. A britânica chegou na série como quem não quer nada e num espaço de um ano, passou de organizadora para substituta da Victoria como anfitriã dos eventos sociais de verão. Mas sabemos que é praticamente impossível se igualar ao patamar do requinte e recalque da eterna rainha do Hamptons, Victoria Grayson.

Outro personagem que parece ter evoluído bastante foi o Nolan. O bilionário agora está fazendo aula de Box e caratê. Já podemos esperar cenas incríveis de ação nessa temporada. Se antes Emily botada para quebrar sozinha, imagina o que essa dupla pode fazer junta? O cara, pelo menos não perdeu o senso de humor, que esteve impecável nesse episódio.

Em suma, Revenge começou com um bom ritmo e já armando o cenário para essa segunda temporada. Provavelmente, nesse primeiro momento, a trama deve girar em torno de Emily em busca de sua mãe desaparecida. Esse cenário se funde com o dos Grayson’s. Mas ainda temos o Takeda e o rapaz misterioso que prometem aparecer mais pela frente. Por enquanto, temos que comemorar, afinal, a Victoria está viva e disposta a fazer dessa segunda temporada um evento memorável. 

2 comentários:

  1. Revenge is back. Que saudade da cara revenge da emily. E espero q dessa vez ela mate o cara de cabelo grisalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? Espero que ela se vingue te todo mundo!

      Excluir